Friday, January 16, 2015

De caiaque na zona de surf


Como parte da formação para o curso de instrutores de canoagem da ACA (American Canoe Association), meu colega de formação Marcio e eu precisávamos adquirir mais experiência com instrução no mar, assim convidamos alguns amigos para serem alunos. Alvares, Pablo e Clayton se dispuseram a participar em um belo sábado de sol. Tiane se dispôs a uma tarefa dupla, registrar o curso e dar conta de manter um olho no Tombinho!


Para esse curso precisávamos de uma praia com pequenas ondas com altura média de menos de 3 pés, sem obstáculos e principalmente banhistas, o vento não deve exceder a faixa de 10 a 15 nós. Acompanhando previamente as previsões de ondulação e vento, seguimos para um local mais ou menos isolado em Atlântida Sul, em Osório.



Entre um chimarrão e outro fomos montando nosso "acampamento", caiaques e tralhas foram sendo organizados e logo estávamos prontos para o início 'oficial'.


Começamos com boas vindas e apresentação dos participantes


O ambiente da zona de surf visto de perto


Como não é objetivo da postagem descrever detalhadamente o que foi feito, comento apenas que começamos gradualmente a inserir os alunos na zona de surf, primeiro compreendendo um pouco da sua dinâmica e depois colocando no contexto algumas ferramentas para proporcionar um aprendizado de forma segura e divertida. Equilíbrio, apoios baixo e alto, varreduras, leme de popa foram pouco a pouco sendo integrados na relação entre canoístas e o mar.

O depoimento enviado pelo Clayton após o 'curso' ilustra bem a evolução que ocorreu ao longo do dia:

"Conheço a canoagem há 17 anos mantendo uma prática sem muita regularidade e, pela primeira vez, aprendi como me comportar no caiaque em zona de surf. O curso abriu minha visão de análise do cenário que tanto me "apavorava" quando tentava entrar e sair do mar remando. O curso me fez evoluir tecnicamente, mas é necessário praticar muito mais. O meu despreparo físico atrapalhou um pouco essa vontade de praticar um pouco mais no próprio curso. Obviamente que nem tudo foi absorvido, mas terminei satisfeito e na expectativa de poder participar de mais um com os intrutores Leonardo e Márcio."














Quando o sol estava a pino fizemos uma pausa para almoço. E não é que tinha até sobremesa temática???

Tiane preparou biscoitos amanteigados em formato de caiaques!

Na verdade os biscoitos foram meu presente de aniversário da Tiane. Mas como não compartilhar essa delícia com os amigos, ainda mais fazendo o que gostamos?


Filmagens e fotos são uma boa ferramenta

O dia na praia foi muito proveitoso. Acertamos, erramos e aprendemos todos juntos, num ambiente de camaradagem e de segurança, procurando evoluir tecnicamente mas também enquanto pessoas. Valeu a pena, com certeza!


Encerramos com o Ritual Inuit e com a tradicional "foto do uhúúúúú" com vontade de voltarmos para a água!



2 comments:

Evânder Run-up "o atleta dos degraus do Brasil" 1º Especialista em corrida vertical do Brasil(desde o ano 2000) said...

Muito bom! Abraços!!!!

Pablo Souza Grigoletti said...

Não tinha visto esse post Leo... muito legal o curso... e depois lembrar de tudo vendo o post :) Grande abraço! Parabéns pela conquista!