Monday, April 07, 2014

Remando no paraíso - Fortaleza (Ubatuba)








Enquanto esperava os companheiros de jornada chegarem, aproveitei a bela paisagem para fotografar. Que belo lugar! E que vista privilegiada da casa! E que casa aconchegante!

A Parati, depois da longa jornada.

Meu caiaque e as tralhas

Amigos chegando!

Os amigos chegaram, as apresentações foram feitas, os equipamentos e caiaques descarregados. Paul ensinou-me a montar um dos caiaques TRAK. Muito fácil a montagem, pois a estrutura é dividida em proa e popa, que são unidas por sistemas com êmbolos. Esses sistemas é que fornecem a rigidez e inclusive permitem a configuração do rocker - curvatura inferior do casco, no sentido longitudinal, de proa a popa - desejada.
Há regulagens nos finca pés, no apoio das coxas e no apoio lombar. Para a frente e para a ré de onde seria o cockpit em um caiaque rígido coloca-se dois grandes sacos estanques que, além de proporcionarem flutuação em caso de capotagem com alagamento, ainda servem como compartimentos estanques para bagagem.
Os amigos estavam cansados pela longa viagem e decidiram aproveitar um bom banho de mar; enquanto isso, tratei de acumular mais uma nova experiência, saindo para uma breve remada no TRAK do Paul - mas esse será o assunto para a próxima postagem...

 TRAK kayaks

 Jantar descontraído na primeira noite: Al, Paul, Ted, Pam e Christian.

Saindo para a pizzaria na segunda noite

Apresentando a estratégia de remada e a logística


Café da manhã

2 comments:

paul NorthernLight said...

I really like the way you write Leo!

Leonardo Esch said...

Thanks so much, Paul! Unfortunately I cannot write in english... :(